Dez profissões que em 2017 devem ter aumento salarial acima da inflação

ÁREA DE TECNOLOGIA TERÁ MAIS AUMENTOS REAIS

O estudo Guia Salarial realizado pela consultoria Robert Half mostra as categorias que em 2017 deverão ter aumentos acima da inflação de 2016,  estimada pelo boletim Focus do Banco Central em 7,01% pelo IPCA. Os valores projetados pela empresa são resultado de propostas financeiras para futuras contratações elaborados pelos seus clientes e salários atualmente praticados no mercado e que constam no banco de dados da empresa. O porcentual de valorização é obtido a partir da comparação entre os valores de cada ano.

DESENVOLVEDOR DE SOFTWARE – 28,4%

É categoria com a maior previsão de aumento. Com salários variando entre R$ 3.255 e R$ 11 mil. A empresa informa que fatores como senioridade no cargo, qualificação, habilidades comportamentais e localização geográfica influenciem nas diferenças de remuneração para um mesmo cargo, assim como o setor onde a função é exercida.

GERENTE DE PRODUTO EM DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE – 21,7%

Outro profissional valorizado no segmento. Salário pode variar entre R$ 8.000 a R$ 20.000.

GERENTE DE PLANEJAMENTO EM SUPPLY CHAIN – 18,6%

Salários deverão variar entre R$ 10.000 e R$ 15.500.

GERENTE DE BIG DATA – 15,4%

Salários deverão variar entre R$ 10.000 e R$ 20.000.

DIRETOR DE TECNOLOGIA – 15%

Salários na faixa entre R$ 17.250 e R$ 46.000.

ADVOGADO TRABALHISTA JÚNIOR – 13%

Variação entre R$ 4.300 e R$ 7.000 em empresa de grande porte.

ADVOGADO PLENO EM CONTENCIOSO TRABALHISTA- 11,5%

Salários ficarão entre R$ 4.200 e R$ 6.500. Nos maiores, poderá chegar a R$ 9.500.

ANALISTA EM LOGÍSTICA – 11,1%

Salário entre R$ 5.000 e R$ 10.000 em empresa de grande porte.

DESENVOLVEDOR DE APLICAÇÕES MOBILIE – 10,7%

Salários entre R$ 7.000 e R$ 14.040.

COORDENADOR DE COMUNICAÇÃO NA ÁREA DE MARKETING – 10,3%

Salários entre R$ 6.500 e R$ 9.500 em empresas de grande porte.

Fonte: Estadão